Parabéns ao Presidente da CAP

No regresso do Nacional de Ralis ao Continente, a equipa cumpriu na totalidade os objectivos traçados depois de terem comandado durante todo a prova.

“Foi um excelente rali para toda a equipa. Entramos com um ritmo muito forte e vencemos o troço inaugural. Aumentamos o ritmo para a segunda especial, fazendo ainda melhor tempo, demonstrando que estávamos decididos a ganhar a prova. Depois de saber que os nossos directos adversários tinham furado na classificativa do Pinhal de Leiria, decidimos gerir a vantagem, não cometendo erros para garantir a vitoria neste rali”, refere Renato Pita.

Renato Pita 2

Terminado o Rali Vidreiro, o piloto sabe que “estamos agora em melhores condições para discutir o título no Grupo RC4 e, mesmo sem ser esse o objectivo principal da temporada, estar entre pilotos que utilizam carros de duas rodas motrizes mais potentes que o nosso”.

Renato Pita 3

Para Joaquim Batalha, responsável técnico da equipa Inside Motor, o Rali Vidreiro acabou por “ser excelente para toda a equipa, que fez um magnífico trabalho. Nem tudo foi perfeito, pois tivemos um problema técnico que, no entanto, detectámos a tempo e conseguimos resolver mas, mesmo assim, não evitou que o Renato Pita tivesse uma penalização de 1m30s, que felizmente não teve quaisquer consequências na vitória obtida no Campeonato RC4. Acabou por ser um excelente resultado para todos, totalmente merecido, depois da enorme infelicidade no Rallye Sata Açores. Por isso, estamos muito motivados para enfrentar o que resta da temporada”.