'Feira do 27' na Valinha regressa 40 anos depois

 

A União de Freguesias de Ceivães e Badim e a Associação de Jovens de Ceivães, com o apoio da Câmara Municipal de Monção, organizaram para amanhã a recriação da “Feira do 27”.

Segundo a organização, não vai faltar o que havia nos antepassados, desde o gado, com direito a senhas de presença em ração e prémios para os melhores exemplares, as hortaliças, ovos, coelhos, galinhas, e tudo mais que se produzia em casa, como as tradicionais roscas e o fumeiro típico.

O dia, está marcado, segundo fonte, com a receção do gado às 8 horas da manhã, seguindo-se ás 10 horas a abertura oficial com discurso das entidades convidadas e entrega de prémios do gado.

Para as 15 horas, entra a animação com o Grupo Cantares do Alvarinho e, uma hora mais tarde o folclore com o Grupo Folclórico Os Amigos de Longos Vales, Rancho Folclórico da Casa do Povo de Barbeita e ainda o Rancho Folclórico Santa Marta de Portuzelo.

Ao fim da tarde, pelas 19:00 horas, é tempo de convívio para a população da União de freguesias, animado pelo Grupo de Concertinas “Os Magníficos” e à noite com o Melmusic.

A organização espera uma enchente de pessoas e que  a iniciativa dê força para, pelo menos uma vez por ano,  se recriar esta feira que outrora fez parte do roteiro da população de Monção e concelhos vizinhos.