A Estrada Nacional 13-3 que ninguém quer ver

 

Piso degradado na EN 13-3

 

Piso degradado na EN 13-3

A Estrada Nacional 13-3 que ninguém quer ver.

O piso da E. N. 13-3, sobretudo entre a EN 13 em Darque e Chafé, está uma lástima.

Diariamente, milhares de carros circulam em permanência dia e noite, entre Darque, Anha, Chafé, Castelo do Neiva e a estância da Amorosa.

Milhares de turistas percorrem aquela via de automóvel, de moto, de bicicleta e a pé.

Convém alertar para o facto de, para pedonais, as bermas serem perigosas e os passeios inexistentes. A tão esperada ciclovia de modo a proteger os utentes, está no segredo dos deuses.

Tudo isto somado, é um perigo constante para quem trabalha ou passeia visitando a nossa bela e verdejante região minhota. Não há quem tenha vergonha!

No entanto, a Câmara Municipal, há tempos, divulgou uma nota de informação com a intenção de renovar o piso da EN 13-3 dentro de ... 8 meses! Porém, em Junho de 2015, nenhuma luz paira no horizonte!...

A Estradas de Portugal desapropriaram terrenos na linha prevista para a nova via rápida entre a rotunda de São Romão e o porto de mar. Já foram regularizados pagamentos do respetivo valor a alguns proprietários e a outros não, por haver áreas não conforme na medição.

Conforme o exposto e devido à crise que o país atravessa, possivelmente o sonho será realizado na década de 2020.

Será que a Câmara Municipal espera por essa data para renovar o piso?

Espera-se que tal presunçaõ, seja mentira.

Para bom entendedor …