Brasil: G. R. E. Sambam Unidos da Tijuca (ou simplesmente Unidos da Tijuca)

É uma escola de samba da cidade do Rio de Janeiro. A escola é originada a partir de diversos morros da Tijuca, tendo sua sede durante muitos anos no Morro do Borel. Atualmente possui uma quadra comercial localizada na Avenida Francisco Bicalho, no bairro do Santo Cristo, próximo à Rodoviária Novo Rio.

Possui 4 títulos de campeã do Grupo Especial do carnaval carioca, conquistados nos anos de 1936, 20102012 e 2014.

Homenagem

Homenagem

Homenagem

Homenagem

Homenagem

HISTÓRIA

Fundada em 31 de dezembro de 1931, é uma das escolas de samba mais antigas do Rio de Janeiro em atividade. A agremiação surgiu a partir da fusão de blocos existentes nos morros das redondezas do Morro do Borel (comunidades da Casa Branca, Formiga e Ilha dos Velhacos) no sub-bairro da Tijuca chamado Usina. Mas o Morro do Borel é seu maior reduto, local de onde sai boa parte de seus componentes. Entre seus fundadores estão Benedito Monteiro, Leandro Chagas, João de Almeida, Pacífico Vasconcelos, Tatão, Alfredo Gomes, Marina Silva, Orlando da Costa Godinho (sócio no. 7 e quem possuía o "livro de ouro" na Muda), Zeneida Oliveira e Regina Vasconcelos.

Em 1936, a escola foi a grande campeã do carnaval carioca, com o enredo Sonhos delirantes.

Naquele desfile, realizado na Praça Onze, a Tijuca trouxe uma inovação, apresentando alegorias aludindo o enredo.

O empresário português Fernando Horta assumiu a presidência em 1992 pela primeira vez. Sob sua gestão, uma nova quadra de ensaios foi inaugurada, no Santo Cristo, zona portuária. De acordo com Fernando Horta, essa foi uma medida para atrair recursos para a escola, que assim, poderia ajudar mais a comunidade. Alguns membros da comunidade, no entanto, reclamam da falta de presença da entidade em sua própria quadra, utilizada apenas, segundo estes, pela escola de samba mirim.

Em 2017, a escola levou para a Sapucaí o enredo “Música na alma, inspiração de uma nação” que homenageava a música americana. Entretanto, o andar do segundo carro alegórico cedeu, deixando pelo menos quinze feridos. A escola foi obrigada a desfilar apenas com alas durante uma boa parte do desfile, já que a alegoria parou, impossibilitando a passagem dos outros carros alegóricos da escola. Após um tempo, os outros carros puderam desfilar e a escola finalizou o desfile com um minuto de atraso. Devido a este acidente e ao que ocorrera com a alegoria do Paraíso do Tuiuti, ficou determinado que nenhuma escola desceria para a Série A e que o Grupo Especial teria 13 agremiações no ano seguinte, das quais duas seriam rebaixadas, como ocorreu em 2011 e 2012. Na apuração, a escola terminou em 11º lugar, o que garantiria sua permanência no Grupo Especial mesmo que o descenso fosse mantido.

Para 2018, a escola contará na Sapucaí a história do ator, diretor, apresentador e produtor Miguel Falabella, através do enredo "Um Coração Urbano: Miguel, o arcanjo das artes, saúda o povo e pede passagem". O enredo foi anunciado durante o programa Domingão do Faustão já que Miguel era jurado do quadro "Show dos Famosos".

 Homenagem

                     

O atual presidente da Unidos da Tijuca,Fernando Horta, na quadra da escola, com o troféu do campeonato de 2014.

Homenagem

Homenagem

Desde 2013, a atriz Juliana Alves é a rainha de bateria da escola tijucana.

Bateria

A bateria da Unidos da Tijuca é denominada "Pura Cadência". Desde 2008 é comandada por Mestre Casagrande. Possui dois prêmios Estandarte de Ouro, conquistados em 2006 (sob o comando de Mestre Celinho) e 2015 (comandada por Mestre Casagrande).

 Homenagem

Homenagem

  Homenagem

Fachada da quadra da escola, em imagem de 2016.

Quadra

A quadra da Unidos da Tijuca se localiza na Avenida Francisco Bicalho, n.º 47, no bairro de Santo Cristo, na Zona Portuária do Rio de Janeiro. Fica a poucos metros da Rodoviária Novo Rio. A quadra mede cerca de 2.800 metros quadrados e possuem camarotes, boutique, clube de uísque para associados e banheiro LGBT.

Sede

A sede da escola se localiza na Rua São Miguel, n.º 430, na TijucaRio de Janeiro. O local foi por anos a quadra oficial da escola, que desde 1992 se localiza em Santo Cristo.

Barracão

O barracão da escola se encontra na Cidade do Samba - juntamente aos das outras escolas do Grupo Especial - na Rua Rivadávia Correa, n.º 60, no bairro carioca Gamboa. A escola ocupa o barracão de n.º 12.

 

ESCOLA MIRIM

Grêmio Recreativo Cultural Escola de Samba Mirim Tijuquinha do Borel é a escola de samba mirim da Unidos da Tijuca. Foi fundada em 19 de junho de 2002 e desde então participa dos desfiles das escolas mirins, sendo que esses desfiles não são competitivos. Suas cores são as mesmas de sua escola madrinha, amarelo-ouro e azul-pavão; e o símbolo, um pavão. A escola alterna entre enredos inéditos e reedições da Unidos da Tijuca.