António Barbosa apresenta candidatura pública em Monção

António Barbosa (PSD) apresenta hoje (sexta-feira) publicamente a sua candidatura à presidência da Câmara Municipal de Monção, propondo-se «dar a conhecer as propostas e prioridades do nosso projecto, que, com mobilização, dinamismo e, especialmente, a participação de todos os Monçanenses, irá dar vida a Monção».

O local é na Praça Deu-la-Deu às 21.15 horas.

 

O «Barbosa360º» contará com a presença do presidente da Câmara Municipal dos Arcos de Valdevez, João Manuel Esteves.

Mais informação:

 #barbosa360

www.antoniobarbosa2017.pt

 

Fernando Pinto

Fernando Pinto, Candidato à Presidência da Junta de Freguesia de Merufe

A apresentação do candidato do PSD a Merufe, Fernando Pinto, será feita no Domingo, às 15.30 horas na sede da Junta de Freguesia.

“O Fernando Pinto é um jovem dinâmico e determinado, sempre disponível para Merufe. Ao enorme amor, que sente pela sua terra e gente, alia uma excelente capacidade de liderança e vocação empreendedora. Qualidades que o distinguem, enquanto pessoa e candidato”,  adianta António Barbosa.

António Fernando Rodrigues Pinto, casado, 38 anos, é Chefe/Gestor do Centro de Distribuição Postal (CTT) de Monção.

Apresenta-se como o candidato «mais do que capacitado», para «dar a Merufe, aquilo que precisa e merece: Desenvolvimento.»

Antes de ter sido destacado para Monção, em 2014, exerceu, até 2013, as funções de Supervisor no Centro de Distribuição Postal (CTT) de Viana do Castelo.

Actualmente, ao mesmo tempo que ocupa o cargo de Vice-presidente do Centro Social e Paroquial de S. Pedro de Merufe, é membro do Grupo Coral de S. Pedro de Merufe e do Grupo Folclórico das Lavradeiras de S. Pedro de Merufe.

Apresenta a sua candidatura à Presidência da Junta de Freguesia de Merufe «por amor à sua terra, acreditando que, vale a pena ter novas ideias, novos projectos e motivações, para satisfazer as necessidades das pessoas, que considera serem a principal razão de ser da freguesia», argumentando que «as suas preocupações são a sua terra e a gente da sua terra».

 

 Fernando Pinto