Economia

Economia, Negócios e Empresas

Prédio Coutinho: alegada demolição em causa após entrar nova Acção Cautelar!

O empresário Valdemar Cunha, proprietário de um dos apartamentos do 'Prédio Coutinho', surpreendido com um aviso colocado na porta da sua fracção anunciando a 'Posse Administrativa', indignado, interpôs no Tribunal Administrativo mais uma Acção Cautelar que, a ter parecer positivo, vem inviabilizar a alegada demolição do edifício. Isto independentemente de novas medidas que estão a ser ponderadas por advogados de outros moradores. O Minho Digital sabe que a Vianapolis se tem desdobrado em novos contactos juntos dos proprietários, entre os quais pessoas de idade e comprovadamente doentes, presumindo-se que aquela entidade procure tirar proveito das debilidades dos resistentes no sentido de cederem aos seus interesses. Mais: a Vianapolis não terá seguido para a frente mesmo perante a possibilidade de acordo, pelo menos num caso, por não ser viável dado que estava pendente em Tribunal um contencioso de partilhas entre herdeiros - facto suficiente para obrigar qualquer Notário a não poder realizar a necessária escritura!

Venda de garagem pioneira em Ponte da Barca

Evento pretende ser um espaço de convívio.

Nos dias 16 e 17 de dezembro será feita a primeira venda de garagem em Ponte da Barca. O Largo da Misericórdia receberá a todos aqueles que queiram participar neste evento que, a semelhança da Feira da Ladra em Lisboa, terá uma série de espaços nos quais estarão à venda artigos antigos -e não só- que muitas vezes se têm em casa sem saber o que lhes fazer.

Taxas e impostos que vão vigorar em 2018 nos Arcos de Valdevez

Sensível a uma proposta de “adesão à realidade”, apresentada por João Carlos Simões (PS), na Assembleia Municipal de Arcos de Valdevez, o presidente da Câmara aceitou introduzir uma pequena revisão à proposta de isenção do Imposto Municipal sobre a Transmissão onerosa de imóveis (IMT) nas aquisições efetuadas por jovens. Mas a medida preconizada pelo PS – aumento de três anos a cada um dos limites, tornando isentos de IMT os jovens dos 21 aos 38 anos e estabelecendo como limite a soma de idades em 76 anos – não foi colocada a votação.

LIDL abre segunda Loja em Viana do Castelo

O Lidl já tem presente de Natal para Viana do Castelo: a cadeia de retalho prossegue com o seu investimento de ampliação e renovação da rede de lojas em Portugal, abrindo uma segunda loja no concelho de Viana do Castelo e criando 31 novos postos de trabalho.

Município devolve aos arcuenses 91 552 euros do IRS cobrado no concelho

A cada arcuense será entregue 1/5 da participação do IRS do Município em 2018 tal como este ano. A Câmara Municipal de Arcos de Valdevez vai abdicar de 1% – dos 5% da percentagem total de coleta de IRS cobrada pelo Estado no concelho – para continuar a responder ao plano de alívio fiscal dos munícipes. Esta medida foi aprovada por maioria, com seis votos a favor (PSD) e uma abstenção (PS).

IMI Familiar beneficia 1115 agregados arcuenses

O Município de Arcos de Valdevez voltou a aprovar uma proposta de redução do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para as famílias com filhos. A medida, segundo a Autoridade Tributária, vai beneficiar 1115 agregados familiares no concelho de Arcos de Valdevez e terá um impacto de 34 310 euros nas contas municipais de 2018.

DESASTRADA ECONOMIA

Jorge Melo

Jorge V.E.R. de Melo

Consultor de Comunicação

Todas as atitudes exigem equilíbrio e ponderação.

Os nossos governantes têm poupado tanto que acabaram por provocar as desgraças que têm acontecido nos últimos tempos em Portugal.

Podem tentar debitar culpas: ao bombeiro, ao construtor, ao banqueiro, mas a verdade nua e crua está no resultado das atitudes generalizadas dos últimos governos, “os cortes desmedidos em quase tudo que não lhes diga diretamente respeito”.

Espaço DECO Minho: Comissões bancárias!

Esta semana iremos responder a uma questão que nos foi colocada por um consumidor: Ontem fui verificar os movimentos bancários da minha conta e, qual não é o meu espanto, quando reparo que o meu banco me cobrou comissões, a meu ver, injustificadas. É permitido que o banco me cobre comissões somente por ter uma conta aberta?

Câmara Municipal aprovou orçamento 5,4% mais “magro” para 2018

As grandes opções do Plano e Orçamento Municipais para 2018 foram aprovadas – por maioria, com seis votos a favor (PSD) e uma abstenção (PS) – pela Câmara de Arcos de Valdevez, no passado dia 10 de novembro.

Sessão de esclarecimentos para empresários em Valença

Na próxima 2ª feira, dia 27 de Novembro, o centro de Comunidade Intermunicipal do Minho (CIM) de Valença recebe uma sessão de atendimento descentralizado dedicado a empresários e empreendedores. 

Páginas

Subscreva RSS - Economia